Toca Rufar - Projecto de Percussão | Perguntas frequentes

Toca Rufar - Projecto de Percussão

Perguntas frequentes

Nesta secção poderá encontrar as respostas à maior parte das dúvidas que possa ter. Caso necessite de mais esclarecimentos, contacte-nos para o seguinte email: tocarufar@tocarufar.com. Obrigado.

Onde e quando se realizam os ensaios?
O curso livre da Orquestra Tocá Rufar é gratuito e pretende dar a conhecer os ritmos e temas de percussão tradicional portuguesa e ensinar noções básicas de técnica de bombo e caixa de rufo, privilegiando a vivência da música de forma lúdica e o convívio interpessoal, não tendo objectivos curriculares definidos. É aberto a todos e a partir dos 6 anos. 
 
A partir de Setembro de 2018 os ensaios realizam-se aos sábados, das 14h30 às 17h30, numa turma única.
Para quem vem pela 1º vez, deverá chegar com algum tempo de antecedência. Os ensaios começam pontualmente com alguns minutos de aquecimento pelo que a chegada ao local deverá ocorrer 15 minutos antes da hora de início para a distribuição de instrumentos, entre outras tarefas de preparação.

Todas as pessoas são livres de experimentar tocar na 1º hora, das 14h30 às 15h30. Poderão, no entanto, ficar a assistir ao resto do ensaio. Na fase da iniciação, as crianças deverão ser acompanhadas por um adulto.

Local: CEA- Centro de Experimentação Artística, no Vale da Amoreira, Moita.
Os ensaios decorrem durante todo o ano com excepção da últimas 3 semanas de Agosto.
 
Mapas de localização dos ensaios:
 

Avenida Vasco da Gama
2835 -205 Vale da Amoreira - MOITA
GPS: N38º 38' 31.26'' | W9º 02' 20.99''

Câmara Municipal da Moita
Departamento de Assuntos Sociais e Cultura/ Divisão de Cultura e Desporto

mapa >>>     coordenadas GPS: Latitude: 38.64251735 - Longitude: -9.03958082
 
Se ainda tem dúvidas não hesite em ligar ou enviar mail: Rui Júnior - 917 575 664 - tocarufar@tocarufar.com
Todas as pessoas podem participar? Com que idade se pode entrar para o Tocá Rufar?

O nosso método de ensino é dirigido a maiores de 6 anos e, a partir daí, não há limite de idade. Todos são bem vindos!

No Tocá Rufar cada um é livre de definir os seus próprios limites.

Como posso inscrever-me no Tocá Rufar e participar? Como posso inscrever o meu filho?

É simples e totalmente gratuito. Sugerimos os seguintes passos:

1. Assistir ou participar num ensaio aberto do Tocá Rufar (ver local e horário na pergunta 1)

2. Fazer a inscrição no próprio local onde decorreu a oficina;

3. Frequentar regularmente os ensaios semanais.

A formação no Tocá Rufar é gratuita, basta ter muita vontade de aprender a tocar.

O Tocá Rufar cede os instrumentos para os ensaios e para as actuações. Os Rufinas não precisam de comprar o seu próprio tambor.

O único gasto solicitado ao Rufina é a compra da farda, a um preço simbólico, quando começa a realizar actuações.

Os ensaios dividem-se em 3 momentos, sendo que, inicialmente, qualquer pessoa pode participar e tocar na 1º hora..

Na 1º hora, e após um aquecimento físico, os tocadores tocam ritmos variados, acessíveis a qualquer iniciado. Quem entra de novo começa por tocar o instrumento Bombo e aprende a balouçar o braço com que toca. Pouco a pouco e consoante a motivação e a regularidade com que se frequeanta os ensaios, o tocador passa para um nível superior e ensaia as 2 primeiras horas. Na 2º hora já começa a aprender temas completos mas ainda com pouca compexidade. As horas seguintes são dedicadas a exercícios e temas com maior complexidade. No entanto, consoante a resistência física e força de vontade, a maioria dos participantes aguentam todas as horas de ensaio.

O que é um Rufina?

Rufina é como chamamos, carinhosamente, a todos os inscritos no Tocá Rufar.

Se a palavra viesse no dicionário (quem sabe um dia…) os seus sinónimos seriam: pessoa amiga e camarada, alegre, atenta, tolerante, disposta a ajudar, pronta para pôr mãos à obra e que gosta de bombos e de percussão tradicional portuguesa.

Além disso, os Rufinas são celebres pelo seu carisma e pela sua entrega.

Depois de me increver o que tenho de fazer? Qual o percurso do Rufina na Orquestra Tocá Rufar?

No Tocá Rufar cada um define os seus próprios limites.

Após a inscrição o Rufina deverá frequentar os ensaios abertos com a maior assiduidade possível começando por aprender a técnica básica e os ritmos elementares de desfile no bombo.

À medida que o aluno progride passa a poder frequentar outros ensaios de nível superior, como seja, o ensaio avançado de desfile, o ensaio elementar de temas e, por fim, o ensaio avançado de temas.

À medida que domina o instrumento bombo o rufina é convidado a aprender também caixa-de-rufo e timbalão. O tocador ideal saberá tocar o repertório do Tocá Rufar nestes 3 instrumentos.

A par com as aulas e em função do desempenho musical e pessoal do Rufina este participa em actuações da Orquestra Tocá Rufar adequadas ao seu nível.

Quando é que um Rufina começa a participar em actuações?

Tradicionalmente, os Rufinas estreiam-se após 6 meses de participação assídua e empenhada nos ensaios da Orquestra Tocá Rufar.

Independentemente deste periodo os alunos do Tocá Rufar são chamados a actuar assim que tenham atingido o necessário desempenho musical e pessoal.
 
O Tocá Rufar realiza espectáculos com diversos graus de exigência e os rufinas determinados sobem ao palco em menos de nada.

Como se aprende música no Tocá Rufar? E que mais se aprende além de música?

O método de ensino utilizado baseia-se na teoria da aprendizagem defendida por Edwin Gordon. Os Rufinas começam por cantar os ritmos e utilizar movimentos corporais e só posteriormente utilizam os instrumentos. Este processo culmina com o saber fazer de uma forma directa sem necessidade de símbolos escritos (pautas).

Depois de saber interpretar um tema, se o Rufina mostrar interesse em conhecer a sua partitura, o Tocá Rufar dar-lha-á a conhecer. É mais fácil, nesse momento, decifrá-la uma vez que o Rufina já a tocou.

Os Rufinas ensaiam em conjunto aos sábados e praticam sozinhos, em suas casas, durante os restantes dias da semana.

Além do ensino da música o Tocá Rufar desempenha um importante papel social e de formação pessoal. Sob o lema ENTREGA-TE, REVELA~TE, SUPERA-TE, os Rufinas que ingressam na Orquestra mostram progressos ao nível da auto-estima, disciplina, perseverança, atenção, sensibilidade para com os outros, capacidades de trabalho em grupo, motricidade, coordenação e flexibilidade.

De que outras actividades é que os Rufinas podem usufruir no Tocá Rufar?

Além da sua acção na Orquestra Tocá Rufar, os Rufinas têm oportunidade de assistir a peças de teatro, concertos e outros eventos, participar em intercâmbios culturais e tocar com outros grupos. Viajam e conhecem Portugal inteiro e vão ao estrangeiro. Visitam as feiras, conhecem o nosso povo e as nossas culturas e muito mais.